• Blog
  • Influenciadores Internos auxiliam na estratégia da Comunicação Interna

Influenciadores Internos auxiliam na estratégia da Comunicação Interna

Influenciadores Internos auxiliam na estratégia da Comunicação Interna

Você certamente conhece ou mesmo acompanha o conteúdo de influenciadores digitais, não é mesmo? De alguns anos para cá, eles vêm ganhando cada vez mais espaço nas redes sociais e somam milhões de seguidores.

Os influencers, como também são chamados, são pessoas que conseguem obter um grande alcance em canais como Instagram, YouTube, TikTok, LinkedIn, entre outros, posicionando-se sobre determinados assuntos, marcas ou produtos, o que acaba, como o próprio nome diz, influenciando a opinião, o comportamento e a decisão de compra do seu público.

Além disso, com a pandemia, muitos deles evoluíram suas ações para além da divulgação de produtos e serviços, fazendo surgir uma nova categoria chamada de genuinfluenciadores, que está usando o seu talento para combater a desinformação na sociedade. Eles, agora, levam informações relevantes, certificadas e verdadeiras, como as da OMS, por exemplo para quem os segue.

Influenciadores nas organizações

E assim como nas mídias sociais, há também muitos influenciadores nas organizações, ou seja, dentro das empresas, é comum encontrarmos colaboradores que exercem esse papel por possuírem uma capacidade nata de se relacionarem bem com todas as pessoas, mesmo que de áreas diferentes.

Podemos considerá-los porta-vozes de informações da companhia ou líderes informais, pois, embora nem sempre sejam pessoas que ocupam posições de gestores, têm o poder de influenciar estrategicamente os colegas.

Mas o que isso tudo tem a ver com a comunicação interna?

De acordo com o estudo Disrupting the Function of IC – A Global Perspective, de 2017, 90% das notícias recebidas e assimiladas pelos colaboradores não são disponibilizadas nos canais formais das empresas.

Sendo assim, é muito importante que a comunicação procure identificar e mapear essas pessoas influentes dentro da empresa, inclusive por meio de programas criados com esse objetivo, e traga-as para perto. Por despertarem a confiança de outros profissionais e ajudarem a viralizar informações para o público interno, os influenciadores podem se tornar grandes aliados da CI e devem ser vistos como um canal de comunicação entre organização e funcionários.

Influenciadores devem ser valorizados e motivados

Mesmo que esses profissionais tenham um perfil naturalmente influenciador, é fundamental valorizá-los e mostrar sempre a eles a importância do que realizam. Uma boa forma de fazer isso é disponibilizando canais internos em que eles possam se expressar, criar conteúdo e compartilhar conhecimento. Nesse contexto, as redes sociais corporativas se destacam muito.

Além de ser motivados a falarem sobre assuntos relevantes à organização, os influenciadores devem ser representantes de campanhas importantes e outra ações, pois, quanto mais engajados estiverem, maior será a sua audiência e melhor será o resultado da comunicação.

Também é interessante estimular o entrosamento entre os colaboradores e a troca de ideias em ambientes informais, como nas pausas para o café, por exemplo, ou outros encontros (que podem ser virtuais, especialmente agora na pandemia). Embora muitas companhias temam a tal “rádio peão”, as conversas de corredor acontecem de qualquer forma, então por que não as transformar em aliadas?

E, por fim, a empresa precisa sempre estar atenta às informações passadas por seus influenciadores para evitar qualquer tipo de ruído na comunicação, afinal essa é uma parceria que serve para gerar apenas benefícios para todas as partes envolvidas, entre eles colaboração, engajamento e senso de pertencimento.

E, então, você e sua empresa estão buscando identificar os influenciadores internos? Entre em contato conosco e saiba como podemos ajudar a criar estratégias para engajar esses profissionais!

 

Quer transformar a Comunicação Interna da sua empresa?

Great Place To Work
Logo P3K