• Blog
  • Artigo
  • Como o Endomarketing favorece os programas de desenvolvimento profissional?

Como o Endomarketing favorece os programas de desenvolvimento profissional?

desenvolvimento profissional

Como o Endomarketing favorece os programas de desenvolvimento profissional?

Os programas de desenvolvimento profissional são de extrema relevância em uma corporação que tem como objetivo a obtenção de colaboradores de alta performance. Esses programas buscam conhecer e desenvolver o time, estimulando seus pontos fortes e dando subsídios para que minimizem pontos de melhoria.

Além disso, eles estimulam o alcance de novos conhecimentos, fazendo crescer ainda mais o potencial de ação de seus profissionais. Nesse sentido, o Endomarketing é uma grande fonte de auxílio para que o desenvolvimento da equipe aconteça com sucesso.

Por meio do Endomarketing, é possível estimular os indivíduos para que atuem da melhor forma possível. Muitas empresas se preocupam em demasia com o marketing para o público externo e não notam que, se prestarem a mesma atenção ao público interno, terão resultados incríveis.

Pensando nisso, vamos expor, neste artigo, as formas como essa ferramenta pode auxiliar no desenvolvimento profissional e o motivo pelo qual é importante que os gestores se preocupem em fazer tal investimento. Ficou curioso? Então siga a leitura e confira!

Planejamento dos programas

Os programas de desenvolvimento profissional são favorecidos pelo Endomarketing desde o momento de seu planejamento. Com tal auxílio, é possível verificar que tipo de ação, de fato, tem a possibilidade de gerar um retorno positivo por parte dos colaboradores.

Esse trabalho é realizado levando em conta o modo como o profissional se sentirá ao ser inserido nesses programas, e de que forma os gestores podem agir para mostrar a eles que tal ação é benéfica e será fonte de crescimento tanto individual quanto coletivo. Dessa forma, fica mais fácil fazer com que os membros da equipe saiam da zona de conforto e busquem conhecer, até mesmo, conteúdos e informações além de sua área de atuação.

Análise do perfil da equipe

Para colocar em prática as estratégias de Endomarketing, é primordial que se tenha uma análise completa do perfil da equipe. Conhecer o que o time almeja, como é seu temperamento, qual é seu ritmo de trabalho e quais são seus desafios faz com que os líderes minimizem as chances de cometer erros ao apresentar algo novo.

Muitas corporações tomam ações equivocadas, quando não se preocupam em conhecer os perfis e características de seus profissionais, antes de criar uma estratégia de Endomarketing. Isso acaba gerando uma grande insatisfação, afinal, os colaboradores pensarão que a empresa não se importa com eles e, tampouco, presta atenção em suas necessidades.

Em relação aos programas de desenvolvimento profissional, essa questão ajuda justamente para direcionar o modo como a equipe será treinada. Além disso, quando o planejamento é pautado na importância de se agradar o indivíduo e atuar de acordo com suas possibilidades e limitações, é certo que as medidas serão sábias e assertivas.

Ações que têm como objetivo o desenvolvimento do time

O Endomarketing tem a capacidade de auxiliar no desenvolvimento do time como um todo, e não apenas de indivíduos separados. Ser capaz de olhar tanto a equipe quanto o indivíduo, e realizar uma junção de ambos, sem que haja privilégios ou malefícios para as partes, é muito relevante para o bom andamento do crescimento profissional.

Com isso, torna-se viável fornecer treinamentos que aumentarão as habilidades de todos e realizar remanejamentos caso um membro não tenha o perfil para atuar no time no qual está inserido.

Vale lembrar que, para obter profissionais de alta performance, é preciso explorar os talentos que ficam, muitas vezes, ocultos. É muito comum um colaborador apresentar baixo desempenho em determinada tarefa e ser considerado ruim. Todavia, ao dar uma oportunidade para que essa pessoa se mostre em outra função, a empresa pode desvendar um grande potencial.

Maior receptividade da parte dos colaboradores

Tomar ações para o desenvolvimento profissional é um grande desafio, pois, muitas vezes, os colaboradores se mostram fechados a mudanças ou estão tão acostumados com a zona de conforto que acabam se sentindo insatisfeitos com novas propostas.

Nesse momento, o Endomarketing entra para conquistar a confiança dessas pessoas e isso é feito ao realizar palestras que explicam a importância de se desenvolver profissionalmente. Além disso, podem ser oferecidos informativos que expliquem as mudanças do mercado e o quanto é bom se manter atualizado. É fundamental deixar claro que as mudanças são positivas e encorajar as pessoas a criarem um perfil mais flexível.

Com isso, ao apresentar os programas de desenvolvimento, o time já estará ciente do que se trata, do quanto isso é positivo e do motivo pelo qual a corporação está fazendo esse investimento. Logo, eles tornam-se mais receptivos a ampliarem seus conhecimentos.

Crescimento tanto da empresa quanto do profissional

O crescimento da empresa e do profissional não precisam andar em sentidos opostos: tomar consciência de que a ascensão de um significa a ascensão de outro faz com que os objetivos se tornem os mesmos. Dessa forma é reforçada a cultura organizacional, melhorando o clima corporativo, diminuindo a rotatividade de funcionários e aumentando a produtividade.

O Endomarketing auxilia na criação e na efetivação desse pensamento de unidade entre profissional e empresa. Por meio de ações informativas, bonificações esporádicas e uma postura empática para com as questões dos membros da equipe, essa ferramenta acaba por conquistar a confiança e o companheirismo das pessoas que são parte integrante do ambiente corporativo.

Dessa forma, o indivíduo cresce porque terá inúmeras oportunidades e estará disposto a conhecer novas áreas, e a empresa cresce, pois terá um grupo de colaboradores engajados e de qualidade que fará de tudo para manter a competitividade no mercado de trabalho.

Como vimos, o Endomarketing favorece os programas de desenvolvimento profissional, ao aprimorar a relação do colaborador com a empresa e ao deixar claro que a evolução de um é pré-requisito para a evolução do outro. Além disso, as equipes passam a ser mais engajadas, a  ter conhecimento sobre a importância de investir em seu crescimento e explorar novos horizontes para que não fiquem obsoletos no mercado de trabalho.

Gostou do nosso artigo? Como são suas estratégias para o desenvolvimento de sua equipe? Para receber mais conteúdos deste tipo, assine nossa newsletter e amplie seus conhecimentos!