Engajamento dos funcionários dentro da empresa

Saiba como a comunicação interna contribui para o engajamento dos funcionários

Empresas inteligentes se esforçam para melhorar o engajamento dos funcionários. Afinal, investir em estratégias para reduzir as taxas de rotatividade de pessoal (turnover) faz com que as companhias mantenham os colaboradores experientes e atraiam profissionais competentes, o que aumenta o grau de satisfação e a humanização no ambiente corporativo.

Uma das melhores estratégias para fortalecer o espírito de equipe e o envolvimento das pessoas é a Comunicação Interna. Assim, você garante a transmissão de informações estratégicas aos times, alinhando seus colaboradores ao discurso da empresa.

Se você deseja iniciar um plano de Comunicação Interna, é hora de conferir como ela pode ajudar a sua organização e quais canais utilizar para cativar sua equipe!

Por que a Comunicação Interna aumenta o engajamento dos funcionários de uma empresa? 

O público interno é essencial para a imagem de qualquer tipo de organização, já que ele é o porta-voz da sua empresa. Ao tomar conhecimento das metas que cada equipe precisa alcançar, o colaborador se sente como parte integrante de uma missão, entendendo a importância que ele tem para o todo.

A Comunicação Interna pode ser definida como o conjunto de ações que facilitam a transmissão de mensagens estratégicas entre a liderança e os demais setores. Ela garante que os colaboradores estejam alinhados ao discurso da organização e aos objetivos que precisa atingir.

Além de informar o colaborador sobre o que acontece na empresa, a Comunicação Interna o coloca como uma prioridade na divulgação dessas notícias. É preciso acrescentar, ainda, que informá-lo sobre o lançamento de um novo produto ou serviço em primeira mão faz com que ele alimente um sentimento de pertencimento.

A grande função da Comunicação Interna em uma empresa é estabelecer uma relação de confiança com o funcionário. Isso envolve zelar para que as informações sejam transmitidas com transparência, bem como usar meios que sejam efetivos para aquele determinado público. Essas ações também podem ser um auxílio na educação do funcionário, garantindo maior eficiência e capacitação.

Por isso, é muito importante que sua empresa pense em uma estratégia adequada para o negócio, suprindo as necessidades comunicacionais do público que ela tem. É essencial conhecer muito bem os seus colaboradores, já que esse aspecto exerce influência direta sobre quais meios de comunicação serão usados e qual linguagem será aplicada.

A realização de um Diagnóstico com profissionais capacitados para isso é um ótimo começo para construir um plano de Comunicação Interna bem-sucedido.

Quais canais podem ser utilizados para fortalecer a Comunicação Interna de uma empresa?

É importante salientar que nem sempre uma mesma solução é bem-sucedida entre todos os tipos de públicos internos. Em algumas empresas, uma TV corporativa é um passo certeiro para melhorar o diálogo com as pessoas. Em outras, é necessário usar a intranet e os murais.

Por isso, ao estruturar seu plano de Comunicação Interna, é importante que você tenha em mente as estratégias — e não os meios de comunicação em si. Confira, a seguir, quais são as possibilidades oferecidas por alguns canais e avalie quais podem ser mais adequadas para o seu caso:

TV Corporativa

Uma das grandes tendências para a Comunicação Interna das empresas é a TV Corporativa, que cria um canal exclusivo para os colaboradores e permite a veiculação de diversos tipos de conteúdo, com uma programação que pode ser exibida durante todo o dia. É importante, portanto, que ela seja posicionada em locais estratégicos no ambiente de trabalho.

Por conter imagens, vídeos e textos, trata-se de um canal muito atraente, alcançando os colaboradores que não têm acesso à internet. A divulgação de conteúdos estratégicos é bastante efetiva, pois não demanda que as pessoas procurem pela informação. Além disso, a televisão é bastante ágil, requisitando que as mensagens sejam de fácil entendimento. Isso diminui os gargalos de comunicação.

As desvantagens desse canal estão no fato de o custo de implantação e a gestão terceirizada de conteúdos serem relativamente altos, além da necessidade de atualização constante de conteúdos. Esse canal também não oferece muitos recursos para que os colaboradores possam dar o feedback acerca das informações transmitidas. Logo, é difícil garantir que todos viram o informativo.

Aplicativos

Alinhando-se às tendências de comunicação, o uso de aplicativos para o público interno das empresas traz uma série de funcionalidades. Hoje, já é possível que as empresas desenvolvam aplicativos personalizados para os próprios colaboradores, tornando o diálogo mais dinâmico.

Esse recurso permite que os colaboradores que não trabalham no escritório ou que estejam viajando possam gerenciar projetos, bem como avaliar e ter acesso às informações sobre eventos importantes. Graças às notificações, as empresas garantem que os colaboradores estejam cientes dos informativos importantes.

Criar um aplicativo para a sua empresa pode ter um custo relativamente elevado e requer que as pessoas sejam incentivadas a utilizar a ferramenta. Por outro lado, essa ferramenta permite a segmentação simples das mensagens, bem como a utilização de diversos formatos, como vídeos, imagens e textos. As notificações também aumentam a taxa de abertura.

Murais

Os jornais murais são um canal de comunicação antigo, mas efetivo. Em um quadro no qual folhas são afixadas, são divulgados avisos e notícias. Por isso, é importante que o conteúdo ali disponibilizado tenha alguma relevância para todos os colaboradores, já que será visualizado por todos.

Uma boa estratégia para esse canal é o uso de textos curtos, chamativos e objetivos. Trata-se de um ótimo meio para deixar lembretes e reforçar as estratégias da organização.

Com baixo custo de implantação, os jornais murais são facilmente adotados. O problema é que eles não são tão atrativos em relação às opções mais modernas. Assim como os jornais e revistas impressos, também são pouco sustentáveis devido ao alto volume de papel que demandam.

Jornais e newsletters digitais

Os jornais e as newsletters digitais são facilmente editáveis, já que partem de templates. As newsletters apresentam menos conteúdos, se comparadas aos jornais, mas ambos cumprem as funções de informar e motivar os colaboradores.

Esses canais são altamente atrativos, contando com recursos para mensurar o consumo das informações e trazendo maior interatividade entre os colaboradores. Contudo, sua empresa terá de empreender esforços para que eles consumam o conteúdo em meio a tantos e-mails.

Intranet

A intranet interliga unidades e departamentos graças a uma rede corporativa que é acessada somente por colaboradores. Bem gerenciada, torna-se um ótimo canal para centralizar informações atualizadas.

É preciso considerar, porém, que esse canal tem um alto custo de implementação, além da dificuldade que as empresas têm em engajar os colaboradores na adoção da ferramenta. Avalie, ainda, a quantidade de informações que precisam ser armazenadas, evitando sobrecargas.

Planejar as estratégias de comunicação de uma empresa não pode se restringir ao que a organização comunica ao público externo. É preciso ser coerente com o que ela diz ao público interno, sendo a Comunicação Interna um forte agente para fortalecer o engajamento das pessoas com os resultados do todo.

Quer mais dicas para aprimorar a qualidade de seu ambiente de trabalho e melhorar a satisfação de seus colaboradores? Siga-nos no FacebookLinkedIn e fique em dia com as maiores novidades para a Comunicação Interna de sua empresa!

Quer receber mais conteúdo como este?
Assine nossa newsletter: