Missão, visão e valores: caminhos para solidificar a marca

Você sabe quais são a missão e visão da empresa em que trabalha? Você já parou para ler o manual de boas-vindas, ou qualquer outro documento que explique os valores da companhia?

Atualmente, as empresas definem e escrevem sua missão e visão de forma “automática”, muitas vezes apenas para cumprir protocolo. Mas qual seria a importância desses conceitos entre os funcionários e perante o público externo?

A função de tais definições é fazer com que os colaboradores saibam exatamente onde estão trabalhando, para que assim se identifiquem e produzam de acordo com o proposto. Em muitas empresas, porém, isso não acontece. Por vezes a própria empresa não dá atenção à esses fatores. Por outras, os funcionários não se interessam e não leem o material fornecido.

Há, também, empresas que se baseiam em textos de outras empresas, mudando apenas seus ideais individuais. Assim, o próprio conceito de visão, missão e valores se torna algo sem essência.

A definição desses fatores ajuda a solidificar a marca de acordo com o desejo da empresa. Uma companhia que quer que o fator sustentabilidade faça parte de seu DNA, esse desejo precisa estar em seus pilares de missão, visão e/ou valores.

Com isso, é necessário incluir a definição dos conceitos no planejamento estratégico da empresa, que deve pensar em como ter sua própria abordagem – o que irá representar de verdade a companhia.

Com os conceitos definidos, é hora de trabalhar campanhas que divulguem ao público interno e externo essa essência. A campanha deverá ter o tom da mensagem a ser transmitida: no caso de uma empresa em que o tom sustentabilidade seja o principal foco, a campanha pode começar com uma distribuição de mudas de árvore, por exemplo.

Independente do ramo de atuação, é fundamental lembrar, sempre, que o objetivo final é todos estarem 100% integrados e focados nas diretrizes e essência de cada empresa.

Quer receber mais conteúdo como este?
Assine nossa newsletter: